Ansiedade nas Viagens de Avião

Quem sofre de ansiedade, ataques de pânico, ou, principalmente agorafobia geralmente apresenta um medo descontrolado de andar em transportes públicos, sendo que o avião torna-se o auge destes medos.

E porquê? A explicação é simples: para uma pessoa que sofra de agorafobia um avião é um dos seus piores pesadelos, pois é fechado e cheio de pessoas, e torna-se impossível sair no decorrer da viagens. Também os sintomas provocados pela altitude e alteração da pressão atmosférica contribuem para o aumento da ansiedade, nomeadamente os zumbidos e a pressão que se sente na cabeça.

Apesar de as pessoas no geral acharem que quem tem medo de andar de avião é porque acho que este pode cair, isto não é verdade. A maior parte das pessoas tem medo de não se sentir bem dentro do avião e não conseguir sair de lá ou ter a assistência que necessita. Muitas pessoas sofrem de ataques de pânico antes e durante as viagens de avião devido a este medo irracional.

Se este é o seu caso, ficam aqui algumas dicas úteis para controlar o seu medo e conseguir desfrutar da viagens (ou, pelo menos, chegar ao destino sem sofrer de tanta ansiedade):

  • Informe-se sobre a viagens: saiba em que avião vai e que duração vai ter a viagens. Informe-se sobre o funcionamento dos aviões, luzes habituais, oscilações que possam haver, e perceba que é um sitio seguro. Todas estas informações vão ajudar a que se sinta mais preparado para a viagem
  • Evite consumir álcool, bebidas com cafeína ou alimentos com muito açúcar no dia da viagem e no dia anterior, pois vai impedi-lo de conseguir descansar adequadamente e manter-se calmo. Faça refeições leves e hidrate-se bem.
  • Tenha uma boa noite de sono antes da viagem. Se dormir bem vai sentir-se mais relaxado.
  • Se achar necessário informe a equipa de bordo que tem receio de voar, eles procurarão o seu bem-estar
  • Esteja atento ás instruções de segurança dados antes do inicio do voo. Sentir-se-á mais seguro.
  • Leve consigo alguma coisa que o distraia: pode ser um livro, uma série no tablet ou um jogo no telemóvel. Assim, não se vai focar tanto nos seus medos.
  • Se já está diagnosticado com ansiedade e tem medicação para tomar em SOS leve-a consgo. Tome apenas se necessário, mas só o facto de a ter consigo vai deixá-lo menos ansioso.
  • Pratique a estratégia de relaxamento que mais se adequa a si. Temos aqui várias sugestões.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *